03/03/2013 - 14:15:15

Chacina de Macabu: Polícia procura ex-marido de uma das vítimas

 

A Polícia iniciou as buscas para tentar prender um homem acusado de matar três pessoas de uma mesma família na cidade de Conceição de Macabu, no Norte Fluminense, na noite de ontem. Cristiano Maurício de Castro, de 33 anos, o Pindoco, é apontado como autor dos disparos que matou sua ex-sogra Mariza Alves dos Santos Moraes, de 59 anos, a ex-cunhada Simone dos Santos (foto), de 39 anos, e o filho Marcelo dos Santos Silva (foto), de 17 anos. Simone dava aulas de dança na cidade.

A ex-esposa de Mauricio, Catia dos Santos, também foi ferida, mas conseguiu sobreviver. Ela está internada no Hospital Ferreira Machado, na cidade Campos dos Goytacazes. Segundo informações, o suspeito não aceitava o fim do relacionamento com Catia, que após a separação voltou a morar na casa da mãe, no Bairro Vila Nova, onde ocorreu o crime. Outras duas crianças conseguiram sobreviver, porque se esconderam. 

Cristiano já investigado pela delegacia de Conceição de Macabu, por manter um depósito clandestino de água mineral na cidade. Ele é acusado de falsificar rótulos da empresa Água Mineral de Trajano de Moraes, o CNPJ e utilizar o produto de uma piscina para abastecer o comércio local e cidades vizinhas. O depósito clandestino foi estourado recentemente, como mostra reportagem de Douglas Smmithy (assista vídeo) para o jornal da Band TV.

O crime da família Santos eleva uma estatística que assusta os moradores das pequenas cidades que estão próximas às regiões em que a Polícia apertou o cerco contra a criminalidade. No dia 20 de janeiro, a aposentada Maria das Dores Nascimento, de 86 anos, foi mantida como refém em sua pousada, no distrito de Amorosa, na zona rural de Conceição de Macabu. Ela, o administrador da pousada Marcos Antônio Nascimento Souza e três funcionários ficaram sob a mira de revólveres de três homens que chegaram por volta das quatro horas da madrugada. Os bandidos estavam encapuzados.

Já em Triunfo, distrito de Santa Maria Madalena, dois homens invadiram a paróquia de São Pedro, no último dia 28, e mantiveram o padre Jorge Pereira Moreira, de 71 anos, como refém. Exatamente como aconteceu em Amorosa, os criminosos estavam encapuzados. O modus operandi também foi idêntico: amordaçaram o sacerdote, levaram um cordão de ouro, computador, relógio, roupas e R$ 500 em dinheiro.

A violência nessas pequenas cidades é o efeito colateral da atuação da polícia nas capitais e cidades de porte médio. Isso tem provocado uma migração da criminalidade. As regiões que servem como rota de fuga ou esconderijo são justamente cidades do interior que estão próximas aos ex-redutos dos delinquentes.

 

 
Ainda não há comentários para Chacina de Macabu: Polícia procura ex-marido de uma das vítimas

Deixe seu comentário

Quantidade máxima de 350 caracteres

Veja também